“O Borussia Dortmund ocupa o 5º lugar com 26 pontos, fruto de 7 vitórias, 5 empates e 3 derrotas, com parciais de 34 golos marcados e 18 golos sofridos. Depois de empatar a uma bola em casa do FC Koln, o Dortmund foi até casa do Hoffenheim, na última jornada, empatar novamente, desta vez por 2-2, num jogo onde Marco Reus foi expulso aos 41 minutos de jogo por acumulação de cartões amarelos, a primeira expulsão em toda a sua carreira futebolística, depois de cometer uma falta num perigoso contra-ataque da equipa adversária. Ainda assim, a turma de Thomas Tuchel conseguiu trazer 1 ponto para casa, que a culminar com a derrota do Frankfurt, permitiu a esta equipa subir um lugar na tabela. Depois de se qualificarem aos oitavos de final como líderes do Grupo F da Liga dos Campeões, os Auri-Negros irão ter o Benfica pela frente como adversário nas eliminatórias a disputar em 14 de Fevereiro, o que lhes dá agora algum tempo para se focarem no campeonato alemão e começarem a lutar por lugares mais cimeiros na tabela, ainda que este seja o último jogo antes da pausa de Inverno, que irá durar 1 mês.

screenshot_1

Thomas Tuchel conta com o 2º melhor ataque da Bundesliga, tal como com o melhor marcador da prova, Aubameyang já com 16 golos, sendo mesmo o aspecto ofensivo o que mais lhe vale, uma vez que concede demasiados golos, complicando a tarefa de entrar nos primeiros 3 lugares de acesso à Liga dos Campeões. Ainda assim, esta equipa está invicta em casa nos jogos do campeonato alemão, vencendo 5 e empatando 2 dos 7 jogos que aqui discutiu, apontando 17 golos e concedendo apenas 4 no processo. É importante referir que a enorme lista de lesionados desta equipa tem contribuído para os resultados menos positivos.

screenshot_2

Onze Provável: Weidenfeller – Passlack, Ginter, Bender e Schmelzer – Weigl – Dembélé, Gotze, Castro e Schurrle – Aubameyang.

bundesligaAugsburg, por sua vez, ocupa o 12º lugar na tabela com 17 pontos, fruto de 4 vitórias, 5 empates e 6 derrotas, com parciais de 12 golos marcados e 16 golos sofridos. O Augsburg tem estado irregular já desde o início da temporada, ainda que ultimamente tenha conseguido evitar ser derrotado, perdendo apenas 1 dos últimos 6 jogos consecutivos do campeonato alemão, com esse desaire a ser concedido na penúltima jornada em terreno do Hamburgo. Contudo, com a vitória da última jornada este conjunto conseguiu subir na tabela e está agora 5 pontos acima da linha de água, e tendo ainda em conta que para além de não ter competições europeias com que se preocupar, nem com a Taça da Alemanha por já ter sido eliminado, esta é uma equipa que se pode focar inteiramente no campeonato e lutar por um lugar na metade cimeira da tabela. Apesar de contarem com uma boa organização defensiva, com a 5ª defesa menos batida da prova, é o sector ofensivo que tem de ser muito mais trabalhado, já que apresentam um poder de finalização muito fraco, sendo o 2º ataque mais ineficaz da prova. Para além disto, e de viajarem até um território extremamente complicado, o Augsburg apresenta fracos argumentos fora de portas, tendo vencido apenas 2 das suas 7 deslocações no campeonato, empatando 2 e perdendo os restantes 3, e tendo marcado 6 golos e concedido outros 6 no processo.

Nos seus últimos 5 jogos oficiais, o Augsburg apresenta um histórico de 1 vitória, 3 empates e 1 derrota. Esta sequência de resultados iniciou-se com um empate por 0-0 na recepção ao Hertha Berlim. Seguiu-se um empate por 0-0 em terreno do FC Koln, um empate por 1-1 na recepção ao Frankfurt, uma derrota por 1-0 em terreno do Hamburgo, e na última jornada, uma vitória por 1-0 na recepção ao Borussia M’Gladbach. Callsen-Bracker, Caiuby, Bobadilla e Finnbogason estão de fora, todos lesionados.

Onze Provável: Hitz – Verhaegh, Gouweleeuw, Hinteregger e Max – Baier – Schmid, Morávek, Koo e Usami – Ji.

O Borussia Dortmund venceu 6 dos últimos 8 confrontos directos, com o Augsburg a vencer 1 e a empatar o restante.”

screenshot_5

Fontes:

http://www.asmelhoresapostasonline.com

App 365 scores

 

 

Advertisements